top of page

PUBLICIDADE

educacao.gif

Notícias

Em agosto, turismo cresce e contribui com 20% das novas vagas de empregos no país

Foram criados mais de 23,6 mil postos de trabalho com carteira assinada no oitavo mês do ano

O turismo no Brasil segue a todo vapor e contribui cada vez mais com a economia brasileira. Só em agosto deste ano mais de 23,6 mil pessoas foram empregadas em atividades turísticas em todo o Brasil, o que demonstra o potencial do setor para a economia nacional. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (02.10) pelo Ministério do Turismo, com base em dados do Cadastro-Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).


A área de “Alojamento e Alimentação” foi a responsável por mais de 14.5 mil novas vagas, seguida pelo “Transporte Rodoviário de Passageiros” com cerca de 2.6 mil vagas. O setor de “Artes e Cultura” foi outro destaque, com 2.2 mil vagas que incrementaram o turismo brasileiro.


O ministro do Turismo, Celso Sabino, comemorou os resultados e ressaltou que o turismo tem uma enorme capacidade de contribuir com a geração de emprego e renda no país.


“O turismo nacional compreende mais de 50 atividades econômicas, que empregam milhões de brasileiros anualmente. É neste cenário que vamos continuar trabalhando para ampliar a contribuição do turismo para o país. Vamos explorar novas possibilidades, implementar iniciativas inovadoras e fortalecer colaborações para fazer do setor turístico o motor da nossa economia”, destacou.


Considerando todas as atividades econômicas, a Região Sudeste se destacou com o maior saldo positivo, criando 70.5 mil vagas, seguida pela Região Nordeste, que gerou 31.7 mil vagas. As Regiões Centro-Oeste, Sul e Norte contribuíram com 18.4 mil, 7.4 mil e 14.7 mil vagas, respectivamente.


Seguindo a tendência de meses anteriores, o maior crescimento do emprego formal no mês agosto ocorreu no setor de Serviços, no qual o Turismo faz parte, registrando um saldo de 114.439 postos. Incluindo todas as atividades econômicas, o país gerou mais de 220 mil empregos. Com isso, o estoque recuperado de empregos formais alcançou o maior valor da série histórica, com 43.832.487 postos de trabalho no mês.


NOVO CAGED – Instituído em janeiro de 2020, o Novo Caged gera estatísticas do emprego formal por meio de informações captadas dos sistemas eSocial, Caged e Empregador Web. A metodologia adotada visa assegurar a qualidade e a integridade das estatísticas do emprego formal durante a transição dessas fontes de captação de dados.


Informação: Ministério do Turismo

0 comentário

Comments


site_marencanto.png
Senai_Futuro_Digital.jpg
site_marencanto.png
WebBanner_300x300_Buriti.jpg
bottom of page