top of page

PUBLICIDADE

educacao.gif

Notícias

Evento que promove a inclusão de Pessoas com Deficiência a atrativos turísticos ganha apoio do MTur

13ª edição do Dia Nacional da Pessoa com Deficiência em Parques e Atrações Turísticas (DNPD) promove acessibilidade com segurança e autonomia

Para promover uma experiência turística igualitária, onde todas as pessoas tenham a oportunidade de desfrutar dos atrativos do país, o Ministério do Turismo está apoiando a 13ª edição do Dia Nacional da Pessoa com Deficiência em Parques e Atrações Turísticas (DNPD), que acontece entre os dias 4 e 8 de dezembro. Este ano, o evento reunirá cerca de 30 parques e atrações, em mais de 20 cidades de dez estados do país.


Idealizado pelo Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat), com apoio da Associação das Empresas de Parques de Diversão do Brasil (Adibra) e da Associação de Parques e Atrações da Serra Gaúcha (APASG), o evento acontece desde 2010 para dar ainda mais oportunidade de inclusão ao turismo nacional.


Atento à necessidade de promover um turismo acessível, que garanta a participação de todos, sem preconceito, o ministro do Turismo, Celso Sabino, abraçou a causa. “Ações como o Dia Nacional da Pessoa com Deficiência em Parques e Atrações, promovido pelo SINDEPAT, vão ao encontro do que o Ministério do Turismo busca: um país mais diverso e inclusivo em sua oferta turística”, ressaltou.


Neste ano, pela primeira vez, o movimento terá o apoio institucional do MTur. “É uma alegria contar com o Ministério do Turismo apoiando o DNPD. Acreditamos que esse apoio poderá ampliar a visibilidade do DNPD, estimulando cada vez mais parques e atrações parceiros a se envolverem na ação”, disse a presidente executiva do SINDEPAT, Carolina Negri.


Atualmente, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 18 milhões de brasileiros possuem algum tipo de deficiência no país. Visando tornar o turismo inclusivo uma realidade cada vez mais comum nos destinos do país, o MTur tem trabalhado para qualificar os prestadores de serviço do setor, contribuindo para a redução das desigualdades e garantindo a promoção da inclusão social.


Por meio do Programa Turismo Acessível, o MTur reúne um conjunto de ações que promovem a inclusão e o acesso de pessoas com deficiências ou mobilidade reduzida à atividade turística com segurança e autonomia, completamente alinhado ao objetivo do DNPD.


CURSOS - O Ministério do Turismo disponibiliza, ainda, por meio da plataforma Qualifica Turismo, uma série de cursos gratuitos que abordam o atendimento adequado ao turista com deficiência, assim como favorecem a reflexão sobre a visibilidade do turismo acessível, considerando conceitos, terminologias e formas de atendimento às pessoas com deficiência e idosas, pesquisas de demanda do perfil do turista com deficiência, entre outros temas.


Informação: Ministério do Turismo

0 comentário

Comments


site_marencanto.png
Senai_Futuro_Digital.jpg
site_marencanto.png
WebBanner_300x300_Buriti.jpg
bottom of page