top of page

PUBLICIDADE

educacao.gif

Notícias

Programa Expedições de Turismo encerra 2023 com passagem pelo Polo Cocais


O ponto forte do Polo Cocais é o turismo religioso. Para estimular esse segmento e criar novos roteiros integrados entre os municípios, a Secretaria de Estado do Turismo (Setur-MA) realizou, no período de 2 a 6 de setembro, ações de qualificação profissional, mobilização de gestores municipais e visitas técnicas em Timon, Caxias, São João do Sóter, Pedreiras, Igarapé Grande, Lima Campos, Lago da Pedra e Bacabal. Foi o encerramento do programa Expedições de Turismo 2023, ano em que 64 cidades dos nove polos turísticos maranhenses receberam atividades voltadas ao desenvolvimento do segmento turístico.


Com tradição religiosa, destaque para o Festejo de São Francisco das Chagas, que ocorre neste mês de Outubro. Segundo estimativa da Prefeitura de São João do Sóter, são esperados cerca de 150 mil visitantes para celebrar o santo padroeiro da cidade. O público formado por fiéis vem de diversas cidades maranhenses e regiões do Brasil participar das romarias, missas e procissões para agradecer e pagar promessas.


O secretário de Turismo de São João do Sóter, Eduardo Rocha, agradeceu a parceria do Governo do Estado e destacou que o festejo é um importante evento de promoção e fortalecimento do turismo da cidade. “O festejo de São Francisco das Chagas é um dos mais importantes acontecimentos do calendário da região dos Cocais. Estamos consolidando um turismo contínuo na cidade e queremos desenvolver o setor com o apoio do Estado na nossa região”, afirmou o secretário.

Outra cidade que se destaca no segmento religioso é Igarapé Grande, com o festejo da padroeira Maria Imaculada Conceição. Durante o mês de dezembro, milhares de romeiros visitam o município localizado no médio Mearim para participar das celebrações em homenagem à padroeira da cidade.


Além da tradicional festa de Maria Imaculada Conceição, em Igarapé Grande, acontece o Festejo de Gonçalinha. Segundo relatos da população, a peregrinação existe há mais de cinco décadas e faz referência à Gonçalina Carreira da Silva, moradora do povoado de Santa Luzia, grávida de gêmeos, que foi assassinada pela amante do marido em 1937. Santificada pela população, a história de Gonçalinha emociona milhares de romeiros e fiéis que visitam o povoado em busca de milagres. No local em que Gonçalina foi morta ergueram uma capela, onde os fiéis acendem velas e depositam flores, fotos e cartas.


Pedreiras também apresenta grande potencial para o turismo religioso, com o tradicional festejo do padroeiro São Benedito. Todo mês de novembro, por dez dias, o município recebe mais de 100 mil fiéis que se reúnem na igreja que leva o nome do santo, numa atitude de fé e devoção.

Para a presidente da Instância de Governança Regional (IGR) do Polo Cocais, Polianne Sá, a vocação religiosa colabora, consideravelmente, com o desenvolvimento regional. "O Polo Cocais tem um enorme potencial dentro do turismo religioso, o que ganha força a cada ano. Milhares de pessoas visitam nossos municípios para vivenciar a experiência religiosa. A vinda de técnicos da Setur-MA, aqui para a região, nos deixa alegres e confiantes de que iremos desenvolver e impulsionar essa atividade", frisou Polianne Sá.


Saldo da Expedição Cocais


A Expedição de Turismo do Polo Cocais finalizou com 203 pessoas capacitadas nos cursos gratuitos de Qualidade no Atendimento para Bares e Restaurantes, Técnicas de Comercialização e Vendas no Artesanato, Boas Práticas para Manipulação de Alimentos e Mídias Sociais para Promoção no Turismo.


Nas palestras do Programa “Mais Infância, Mais Turismo”, foram sensibilizados 494 estudantes. A atividade visa prevenir e combater a exploração sexual de crianças e adolescente no segmento turístico. Além das palestras, técnicos da Setur-MA percorreram estabelecimentos comerciais, entregando banners, adesivos e folders com orientações sobre o tema.


A equipe técnica do Programa de Regionalização do Turismo (PRT) promoveu reuniões com 155 representantes municipais de turismo. Houve 36 visitas técnicas a atrativos turísticos com o objetivo de fazer um levantamento para criar roteiros integrados entre os municípios que compõem o Polo Cocais.


Por meio do Cadastur, foram visitados 54 empreendimentos turísticos para registrar ou renovar cadastros na plataforma.


“Fechamos com chave de ouro a última Expedição de Turismo do ano, no Polo Cocais, uma região bela e com grande potencial. Assim, o Programa que desenvolve inúmeras ações de melhorias para desenvolver a cadeia turística do Maranhão avança para a próxima etapa. Não iremos parar por aí. A Setur-MA segue com olhar atento para levar oportunidades a todos os cantos do Maranhão”, concluiu a secretária Estadual de Turismo, Socorro Araújo.


Informação: Turismo MA

Comentários


site_marencanto.png
Senai_Futuro_Digital.jpg
site_marencanto.png
WebBanner_300x300_Buriti.jpg
bottom of page