top of page

PUBLICIDADE

educacao.gif

Notícias

Vila Galé confirma hotéis em São Luís na atual Casa do Maranhão e na antiga Defensoria Pública


O Vila Galé tornou oficial a informação da instalação de dois hotéis na capital maranhense para os próximos anos. O projeto para São Luís foi apresentado na última sexta-feira, 19 de abril, durante a Convenção anual do Grupo que foi realizada em Cumbuco em Caucaia (CE). Na oportunidade foi anunciado que vão ser três prédios, sendo dois servindo como hotéis e um terceiro que funcionará como apoio entre as unidades que vão funcionar na atual Casa do Maranhão de frente para o mar e a outra que será na antiga sede da Defensoria Pública Estadual no coração do Centro Histórico.


O projeto foi apresentado por Paulo Neves da diretoria técnica do Vila Galé. Ele informou que o hotel a ser construído na Casa do Maranhão terá 43 apartamentos e a unidade na sede da antiga DPE terá 106 unidades, totalizando 149 quartos nos dois investimentos, que eles preferem tratar como um só.


Apesar do anúncio, os hotéis em São Luís não estão no calendário de aberturas previstas para 2025/2026. Mas isso pode mudar, pois Belém também foi apresentada como cidade que receberá o hotel e eles já estão de olho na COP 30 que ocorrerá em 2025 na capital paraense.


Além de São Luís e Belém, o diretor do Vila Galé confirmou investimentos em Coruripe/AL, Brumadinho/MG, Cumbuco/CE, Angra dos Reis/RJ, além de Ouro Preto/MG que deve ser inaugurado em 2025.



Durante o evento do Vila Galé, estiveram presentes representantes da TAP, que deixaram claro que as duas empresas trabalham em sintonia, ou seja, onde há uma unidade do grupo português existe uma ligação direta da capital mais próxima com Lisboa em Portugal. É o caso de Fortaleza, Natal, Recife e Maceió, que já possuem voos diretos, além de cidades tradicionais como Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte. Belém também já conta com voos diretos para Portugal via TAP.


A chegada do Vila Galé dará vida ao Centro Histórico de São Luís, que atualmente não conta com nenhum grande hotel, desde o fechamento do Grand São Luís Hotel em 2021. O prédio inclusive já foi negociado com o Governo do Maranhão para abrigar um Centro Administrativo.


O que possui maior destaque na região é a pousada Portas da Amazônia que é de estrangeiros, porém já vem sofrendo com a falta de manutenção e vem recebendo muitas reclamações nos sites de hospedagem.



Informação: Blog do Diego Emir


0 comentário

Comments


site_marencanto.png
Senai_Futuro_Digital.jpg
site_marencanto.png
WebBanner_300x300_Buriti.jpg
bottom of page